quinta-feira, 11 de junho de 2009

Tranqüilo






[Salmos 131]

“Descanse somente em Deus, ó minha alma, dele vem a minha esperança.” Sl 62:5

A inquietação é inquietante! É... Eu sei... Parece óbvio mas é a pura verdade! O coração inquieto além de produzir sentimentos constraditórios, nocivos e perturbadores, causa profundo mal-estar. A inquietação pode ter várias origens: problemas repentinos, medos, expectativas, contrariedades, ansiedade, afrontas, coração confuso, enfim, são muitas as coisas que somente contribuem para desestabilizar o coração humano, fazendo-o sofrer.

O que fazer quando se sente assim?

Davi pondera no salmos 131 sobre algumas fontes de inquietação das quais se afasta. Ele aponta três delas: orgulho, altivez e megalomania. Em vez de entregar-se a elas e seguir buscando o poder e a conquista, ele decide abandonar-se nos braços de Deus á semelhança de uma criança que , inquieta pela fome, chora até que a mãe lhe dê de mamar. E ao terminar aquela longa refeição, ela está totalmente tranqüila e descansada.

Davi reconhece que, diante de Deus e de seus próprios problemas e desafios, ele é como essa criança: tranqüilo e confiante após receber o alimento divino que o faz sossegar e descansar em braços seguros.
Essa pode ser também a sua experiência diária com Deus. Diante das inquietações geradas pela vida, das pressões do “ter para ser”, do mundo competitivo ou de circunstâncias sobre as quais você não tem nenhum controle, abandone-se nos braços seguros de Deus. Isto não significa acomodação ou inatividade, mas sim a experiência necessária para aquietar um coração aflito e poder desfrutar da paz, da segurança e da certeza de estar no acolhimento confiante do Deus que se mostra tão materno neste salmo. Ele nos sacia com sua palavra e sua presença nos alimenta e, bem ali, na quietude de seus braços, toda esperança se renova e a vida se refaz, tão bela e tranqüila como a da criança recém amamentada que pode trocar as preocupações pela paz.

THAPE


fonte: Pão diário 2009




3 comentários:

_Kah disse...

Megalomania é um transtorno psicológico onde o doente tem ilusões de grandeza, poder e superioridade. É uma característica do transtorno afetivo bipolar. Também se caracteriza pela obsessão em realizar feitos e atos grandiosos. megalominia é caracteristica permanente dos sociopatas

Sâmya Félix disse...

mensagem vinda de Deus.
é incrivel como Ele fala conosco de diversas formas...
um abraço...

THAPE disse...

:) SâMyaa!!!

beijos!

Karlla Karize!